Nosso post mais curtido da semana pode ter dado um quentinho no coração e/ou um friozinho na barriga. A Lila, nossa seguidora assídua e super user de GoPro, colocou todo seu conhecimento em ação durante o seu passeio de parapente, que gerou essa captura irada, quase cinematográfica, que coloriu nosso feed.

As luzes, o ângulo, a feição... parece muito difícil conseguir unir esses elementos de uma única vez, principalmente se você está no meio de um voo. “Não podia correr o risco de perder nenhum momento, por isso minha estratégia foi deixar tudo pronto antes mesmo de saltar. Como eu sabia que teriam muitas partes da paisagem que eu queria registrar, escolhi a GoPro MAX, para ter essa angulação grande, 360°. Deixei em modo vídeo porque sabia que eu poderia escolher o melhor frame depois”, conta Lila.

Prontinho, agora ela estaria presente plenamente curtindo o voo. A escolha do frame perfeito, edição e postagem foi feita mais tarde em um único app, o Quik, nosso novo queridinho. Além de baixar suas mídias, você também pode experimentar uma variedade crescente de recursos que vão facilitar a edição e organização dos seus registros preferidos.

Outro aliado foi o 3-way, quem acompanha nossas publicações sabe bem que esse é o acessório queridinho dos donos de GoPro por conta da sua versatilidade. Dessa vez, ele foi usado para dar aquela extensão a mais, enquadrando a Lila e seu amigo Claudio, o parapente colorido, e a mistura das falésias, areia e do mar da Praia da Canoa Quebrada, no Ceará. Como boa fotografa, escolheu a dedo a hora do salto, luz é TUDO, e o final da tarde traz a luz vibrante que ela estava procurando.

A Lila também aproveitou para nos contar um pouco de como é usar a GoPro no seu dia a dia. “Trabalho com fotografia e criação de conteúdo no Instagram, e a GoPro é a minha câmera preferida! Por ser compacta, sempre a levo comigo para as trips e jobs também. As fotos e vídeos que são feitos com ela, são sempre os que mais chamam a atenção das pessoas! Porque as imagens feitas transmitem não só qualidade, mas uma personalidade única e pessoal de quem está capturando”.