Dicas GoPro

Domine os modos: Dicas de fotografia com a HERO10 por Travis Burke

Jan 20, 2022

Compartilhar

O fotógrafo Travis Burke é especialista em capturar e compartilhar ambientes a céu aberto. Seja em um mergulho livre, perseguindo eclipses ou durante a construção de casas minúsculas, o gosto de Travis pela fotografia ajuda a compartilhar as experiências e o mundo dele de pontos de vista impressionantes. E nós temos muita sorte de ter a GoPro como parte das iniciativas criativas de Travis desde a câmera HERO original. Recentemente, nós nos encontramos com ele para saber do que ele mais gosta na nossa câmera mais recente, a HERO10 Black. 


As dicas abaixo sobre como dominar a fotografia com a HERO10 Black foram apresentadas pelo próprio Travis. Aprenda com elas!


Como fotógrafo e atleta, eu levo uma câmera GoPro na bolsa desde que a HERO original foi lançada, em 2005. Obviamente, a qualidade das fotos e vídeos evoluiu muito nos últimos 16 anos, e eu adoro o fato de que, como empresa, os valores e a visão da GoPro de permitir que pessoas do mundo todo registrem e compartilhem as suas vidas continua se destacando depois de todos esses anos! 


Estou usando a nova HERO10 Black há alguns meses e queria levar você em algumas das minhas aventuras, enquanto eu compartilho como e por que escolho certas configurações de fotografia. Também vou ensinar algumas dicas e truques úteis que aprendi para aproveitar ao máximo essa câmera nova e impressionante.

1. Tirando fotos no modo RAW


Quando eu e Laysea, minha namorada, decidimos fazer um mochilão por um dia com Koda, nossa cadela, eu decidi que, em vez de carregar minha câmera grande e todas as suas lentes e acessórios, seria muito mais prático levar a HERO10 para registrar os momentos da viagem. 


Eu fotografei quase tudo em modo RAW e fiquei extremamente impressionado com a qualidade e a nitidez das fotos RAW de 23 megapixels, especialmente depois que voltei para casa e as vi no meu computador. Koda está envelhecendo e nós sabíamos que, provavelmente, esse seria uma das últimas viagens onde ela andaria por tanto tempo. Então, com certeza, era muito importante ter essas fotos de alta qualidade das duas tão felizes! 


As fotos RAW oferecem a mais alta qualidade, mas, às vezes, podem exigir um pouco de edição posterior para ajustar a cor e o contraste corretamente.


DICA PRO: Você pode usar o aplicativo Quik da GoPro para editar a cor e o contraste das fotos RAW ou aplicar filtros predefinidos com base no ambiente em que você estava fotografando, como neve, floresta, subaquático, praia e muito mais.


Configurações da câmera:

  • Modo: RAW
  • Lente: Ampla
  • Obturador: Automático
  • Comp EX: +.5
  • Balanço de branco: Automático
  • ISO: 100
  • Nitidez: Baixa

2. Usando recortes de quadros


Enquanto estávamos no Havaí, decidimos nadar e registrar alguns momentos BTS de Laysea e nossa amiga Kristy fazendo uma sessão de fotos na água. 


Quando há muitos eventos acontecendo, ou quando eu não tenho muito controle do cenário, uma das minhas coisas favoritas é capturar no modo de vídeo 5,3K 30 fps. Com o recurso de captura de quadros do aplicativo Quik, basicamente, eu posso pausar qualquer momento do vídeo e recortar uma foto de 15,8 megapixels e de alta resolução dele. Assim, eu sei que não perderei nenhum acontecimento. 


Outra configuração, como o modo Foto de disparo contínuo por exemplo, pode levar alguns segundos para processar as imagens após a captura do disparo contínuo e, assim, posso acabar perdendo algum momento. Ao optar pelo vídeo, eu posso decidir ou deixar que as pessoas que estão em frente à câmera decidirem se querem fotos ou vídeos da experiência, o que é um recurso muito legal!

    3. SuperFoto


    Para esse cenário, a SuperFoto foi a minha principal escolha. A iluminação da foto era extremamente desafiadora, com a luz brilhante do sol chegando aos penhascos e com as vastas sombras ao longo do rio. Era essencial conseguir a exposição certa e ter detalhes suficientes do cenário. O SuperFoto elimina as adivinhações, já que não é necessário escolher quais configurações usar e a câmera realmente analisa a cena e consegue fazer essas escolhas por você. Eu fiquei muito impressionado com o modo como a HERO10 equilibrou tudo naturalmente para que a foto correspondesse ao que eu estava vendo enquanto estava lá, observando tudo! 


    Além disso, é difícil acreditar nos detalhes e na resolução da imagem de 23 megapixels. Tudo, desde a rocha em que eu estava sentado até os distantes picos cobertos de neve, apresentavam uma quantidade incrível de detalhes.


    O modo SuperFoto é ótimo se você não tem muita experiência com a câmera, mas ainda quer tirar fotos incríveis, ou se você quer apontar a câmera e registrar um momento sem ter que mexer em diferentes configurações. Ele realmente entrega o que promete.

    4. Brincando com ISO + velocidade do obturador


    Esse é um exemplo em que eu queria ter o máximo possível de controle sobre as configurações da câmera. Nas cachoeiras, é ótimo conseguir manter a velocidade do obturador relativamente baixa para fazer com que a água pareça “desfocada”, o que cria movimento e confere um olhar único à paisagem. Ao definir o meu ISO com a configuração mais baixa, isso permitiu retardar ao máximo a velocidade do obturador sem causar excesso de exposição da imagem. 


    DICA PRO: Eu sempre uso a grade de “regra dos terços” para sempre me lembrar de também me concentrar na composição. Você pode ativar a grade no menu principal de configurações, deslizando a tela de cima para baixo no display de toque traseiro. 


    Nesse caso, eu acabei encontrando algumas plantas para adicionar ao primeiro plano e criar uma noção de profundidade, e troquei a lente para “Estreito” para aumentar o zoom um pouco mais e criar um visual diferente. Sempre é possível mudar algumas pequenas coisas que, no fim, acabam fazendo uma grande diferença no produto final que você está fotografando. 


    Configurações da câmera:

    • Modo: Padrão
    • Lente: Estreito
    • Obturador: Automático
    • Comp EX: -.5
    • Balanço de branco: 6.500K
    • ISO: 100
    • Nitidez: Baixa

    5. Fotografia noturna


    Ainda me admira o fato de que é possível tirar uma foto noturna real em uma GoPro e de que o desempenho em pouca iluminação continua sempre melhorando! 


    Nós acabamos de construir do zero uma casa bem pequena e, com a minha paixão pela fotografia noturna, achei que seria divertido tirar uma foto posicionando a nossa nova casa sob as estrelas, com foco na Polaris (a estrela do norte). 


    Para essa foto, utilizei o recurso Lapso noturno para tirar várias fotos ao longo de uma hora e, depois, simplesmente as combinei no Photoshop. Eu consegui ter uma bela visão geral da Terra conforme ela gira pelo espaço, o que faz parecer que as estrelas estão girando, algo que é difícil de ver a olho nu.


    No fim das contas, não hesite em usar a GoPro à noite, quer você viva na cidade ou esteja acampando sob um céu completamente escuro. A capacidade de registro da HERO10 é impressionante mesmo em pouca iluminação! 


    Configurações da câmera:

    • Modo: Lapso noturno
    • Intervalo: Automático
    • Obturador: 20s
    • Saída: RAW
    • Balanço de branco: 5.500K
    • ISO: 800
    • Nitidez: Baixa


    Obrigado por dedicar o seu tempo a esta leitura. Espero que este artigo inspire você a fazer o que ama e a superar os limites do que você achava ser possível fazer com uma GoPro! 


    Você pode seguir as aventuras de Travis no Instagram dele, @travisburkephotography. E também pode saber mais sobre a HERO10 Black aqui.

    Compartilhar